PESQUISA DO SITE

Características do sexo durante a gravidez

A gravidez é um ótimo momento para todos.mulheres Novas emoções, sensações e amor ilimitado pelo bebê no útero podem exaltar a futura mãe aos céus. Mas o que fazer com uma parte tão significativa da vida quanto a intimidade?

Quando você pode e não pode

Se a gestante está completamente saudável, e o médico,levando a gravidez, permite a vida sexual, então você pode ter relações sexuais durante a gravidez. A principal coisa - não dê medo de ganhar o desejo em você. As emoções positivas são necessárias não só para a mulher grávida, mas também para o bebê no útero.

Pode ou não pode

O contato sexual não pode afetar adversamenteformação do feto e provocar o risco de interrupção. Tais problemas podem causar causas associadas com a estrutura anormal dos órgãos genitais femininos, falta de progesterona, mau funcionamento da glândula tireóide, infecções sexualmente transmissíveis e assim por diante.

Diagnósticos em que a vida sexual dos cônjuges será banida:

  • aborto espontâneo habitual;
  • ameaça de interrupção;
  • abortos em gestações anteriores;
  • Mamãe espera gêmeos ou trigêmeos;
  • baixa localização da placenta;
  • cônjuge ou portador grávido de uma doença sexualmente transmissível;
  • repouso na cama durante o período de transporte.

Além disso, muitas vezes há uma ameaça de interrupção.a gravidez está associada ao colo do útero, que não consegue desempenhar plenamente a sua função. Todos esses problemas durante a relação sexual podem contribuir para o aumento do tônus ​​no útero, causar sangramento ou aborto espontâneo.

Até 12 semanas

Posso fazer sexo durante a gravidez?nos estágios iniciais - a maioria das gestantes está interessada. Os médicos avisam as mulheres grávidas no primeiro trimestre, portanto 4, 8 e 12 semanas são arriscadas, por isso é recomendado que todo o período inicial da posição “interessante” seja evitado da relação sexual. Isto é especialmente verdadeiro para as mulheres que tiveram abortos precoces, parto prematuro, hipertonia uterina e outros problemas relacionados.

No primeiro trimestre do desejo e humor de uma mulhermuito mutável. Fadiga constante e sonolência deste período é muitas vezes acompanhada de redução da libido. O pano de fundo hormonal da menina está mudando, juntamente com os ajustes fisiológicos e emocionais que ocorrem no futuro corpo da mãe.

2 trimestre de gravidez

O segundo trimestre permite sexo durante a gravidez. Os termos ainda não são grandes e a barriga ainda não é grande. O período crítico acabou e você pode respirar aliviado.

Sensações brilhantes

A única coisa que as mulheres especialistas pedem é evitar ficar de pé nas costas. Acredita-se que o útero em crescimento possa exercer pressão sobre a veia cava e, assim, impedir o fluxo de oxigênio para o bebê.

As alterações hormonais também permanecem em seu pico. A alta sensibilidade da mama só aumenta as sensações agradáveis ​​durante o ato sexual.

Sexo da 25ª a 40ª semana de gravidez

Sexo durante a gravidez no terceiro trimestreNão tão brilhante quanto o segundo. A barriga grande da gestante está ficando no caminho do sono, e escolher uma posição confortável para a relação sexual se torna um sério desafio.

Sexo durante a gravidez

Algumas mulheres com nota aumentada de libidoque o sexo durante a gravidez pode ser atribuído a algo brilhante e encantador. Para muitos, essa é uma razão para relaxar, não precisa pensar em contracepção ou intercurso sexual interrompido.

Além disso, a vida sexual no passadosemanas podem facilitar atividades genéricas, mas esta é a opinião de especialistas neste campo. Eles justificam isso dizendo que o esperma contém uma enzima capaz de amolecer o colo do útero, preparando-o para o parto.

E mais recentemente, houve uma opinião de queA prostaglandina, que está contida no fluido seminal, pode causar parto prematuro. Até hoje, esta afirmação foi refutada muitas vezes.

Quantas vezes você pode viver sexo

Quadro estrito e restrições à frequência dos genitaisNão há atos durante a gravidez. Tudo depende do estado de saúde, do curso da gravidez e do desejo. É importante que ambos os parceiros queiram fazer amor. Algumas mulheres durante a gravidez tendem a "querer" com mais frequência do que antes da posição "interessante". Um cônjuge deve ir ao encontro de sua amada, porque quaisquer manifestações de amor e afeição por ela desempenham um papel significativo em seu bem-estar e autoconfiança nesta fase da vida.

Emoções positivas

Formas femininas arredondadas, muitas vezesaumentar a atratividade das mulheres aos olhos do marido. Um jato de sangue para a pequena pélvis de uma menina grávida é capaz de proporcionar uma nova sensação ao parceiro, uma vez que a vagina é estreitada e o clitóris é aumentado.

Pose para sexo durante a gravidez

Intimista nas poses habituais - é possível? O sexo durante a gravidez é permitido nas posições que sejam confortáveis ​​para os cônjuges, se o médico der autorização e não houver contra-indicações para a atividade sexual. Além disso, a vida sexual é útil mesmo durante a gravidez. Sexo regular fortalece os músculos pélvicos, promove a produção de hormônios da felicidade, que têm um efeito benéfico sobre a mãe e o bebê.

Mas há uma série de nuances que devem ser levadas em conta ao escolher uma postura sexual durante a gravidez:

  1. A postura de proximidade íntima deve ser escolhida de modo que a penetração não seja profunda, e o contato íntimo entre os parceiros não exerça pressão sobre a barriga da futura mãe.
  2. Como fazer sexo durante a gravidez? Não escolha poses extremas. Além disso, a duração da relação sexual não deve exceder 10 minutos.
  3. As poses mais seguras são quando os parceiros estão deitados de lado, respectivamente, o homem está nas costas. Ou a garota na beira da cama e o parceiro na frente dela.

Carícia Oral e Sexo Anal

Se a gravidez de uma mulher não causar desconforto e desconforto na região pélvica, o sexo oral é uma ótima alternativa para o visual clássico.

É importante! Evite a intimidade se o seu parceiro tiver herpes nos lábios. O vírus pode simplesmente se mover para você e prejudicar seriamente o bebê. Os médicos concordam em uma opinião comum que o herpes pode provocar defeitos congênitos em um bebê. É claro que as estatísticas confirmam o fato de que isso não acontecerá necessariamente com você, mas a saúde do bebê ainda deve vir em primeiro lugar.

Sexo anal durante a gravidez é proibido,algumas meninas são propensas a hemorróidas nos últimos períodos. Além disso, um tipo de contato íntimo pode irritar a mucosa retal, o que pode levar a um processo inflamatório.

Sexo durante a gravidez - é prejudicial?

A maioria dos parceiros durante a gravidez começa a temer a relação sexual. Alguns têm medo de prejudicar o bebê ou a futura mãe.

Cônjuges podem fazer sexo durantegravidez, não é prejudicial e não irá prejudicar nem mamãe nem karapuzu. O principal é abordar o processo com cautela e esclarecer com o ginecologista se você tem contraindicações sexuais durante a gravidez.

Por que sexo durante a gravidez é útil

Bom sexo durante a gravidezprepara a vagina para a próxima entrega. Durante o ato, há um fluxo adicional de oxigênio no sangue. Isso, sem dúvida, beneficiará as migalhas no útero.

Amor e cuidado

Você não deve preocupar-se pela criança, ele protege-se confiantemente por uma cobertura. A única coisa que ele pode reagir é sua respiração rápida e aumento hormonal devido ao orgasmo.

Um valor considerável é o benefício do sexo durantea gravidez afeta a psicologia. Uma mulher em um período às vezes tão difícil, você precisa ter certeza de que ela é desejável e atraente. E abstinência não foi para qualquer um para o bem.

Desconforto durante o sexo

Desconforto durante a relação sexual durantea gravidez é bastante compreensível. A cabeça da criança pressiona os órgãos pélvicos, o que causa entorses. Além disso, algumas mulheres experimentam dor nos ossos pélvicos, mesmo em repouso, para não mencionar sua vida sexual.

Os seios incham desde o início da gravidez, os mamilos ficam muito sensíveis. E às vezes até toques suaves e carícias podem causar desconforto.

Poses que amavam uma mulher paravida sexual prolongada, tornar-se indisponível, como impede que o crescimento rápido da barriga. Muitas vezes, uma mulher grávida não pode relaxar e, mais frequentemente, ela tem que pensar em seu desejo e esquecer seu parceiro.

Por que você precisa de sexo

Às vezes, apesar de todos os argumentos a favor deintimidade e boa saúde e o curso da gravidez, os cônjuges ainda tentam evitar a intimidade. As meninas se sentem feias, gordas, e a presença constante de pânico, que após o nascimento permanecerá, leva à estrutura da completa indiferença ao sexo. Os homens têm medo de causar dor ou dano ao feto.

Sexo e gravidez

Considere as razões pelas quais o sexo durante a gravidez é necessário:

  1. A descarga íntima reduz a pressão arterial (para pacientes hipertensos).
  2. Apoie um ente querido e um contato próximo com seu ente querido.
  3. Reduzindo o risco de complicações durante o parto (pausas, cortes, etc.)
  4. Sinta a ternura do carinho, calor e cuidado.
  5. Supressão do estresse.
  6. Fortalecendo os músculos da pélvis.
  7. Você pode obter os hormônios da felicidade.

A maioria das meninas enfrenta experiências.sobre o futuro nascimento, a saúde do bebê no útero. Os hormônios produzidos durante o processo de orgasmo ajudam a mulher a relaxar e aliviar o estresse. E para uma menina grávida, o estado de harmonia interior e paz é muito importante.

Mitos

Considere 5 mitos sobre sexo durante a gravidez:

  1. Na posição "interessante", uma mulher não querfazer sexo. O desejo da futura mãe durante a gravidez pode desaparecer e, ao contrário, "queimar" com força especial. Cada caso é individual. Mas quero ressaltar que o primeiro trimestre é difícil para o futuro corpo da mãe e a falta de desejo está associada exclusivamente às alterações hormonais. Esse estado é de curto prazo e, na 12ª semana, a mulher se sente muito melhor.
  2. O orgasmo é perigoso. Não, apesar do fato de que é acompanhado por contrações do útero, não pode provocar um aborto espontâneo ou parto prematuro. Além disso, essa descarga emocional é necessária para uma mulher e dá à criança muitas emoções positivas no útero.
  3. Sexo durante a gravidez ajuda a quebrarbexiga fetal. O líquido amniótico no saco amniótico fornece proteção confiável do bebê contra lesões, tremores e infecções. O desbaste da membrana é possível quando você tem gripe ou uma infecção viral durante a gravidez. Também pode ser causada por infecções genitais, vaginose ou aftas.
  4. Durante a relação, um bebê pode ser infectado oupara infectar. Não, o bebê está sob a proteção reforçada da membrana mucosa que impede a entrada de bactérias no útero. O risco de infecção através do trato genital para o feto é reduzido a zero. Mas a possibilidade de infectar a futura mãe com vírus ou infecções sexualmente transmissíveis permanece. E a presença deles pode ter um impacto negativo na saúde da criança e no curso da gravidez.
  5. Quando penetrar o bebê pode causar ferimentos. Isso não é verdade, o miolo é protegido por um líquido amniótico com uma bexiga e colo do útero fechado.

Vale a pena notar que a maioria dos médicosrecomendar casais começam o sexo regular após 39 semanas. Os hormônios contidos no esperma masculino amaciam o colo do útero, fazendo com que o risco de rasgar e cortes mínimos.

Médicos aconselha

Você faz sexo durante a gravidez? Claro! É maravilhoso quando os cônjuges, sem medo, pertencem à vida sexual durante a gravidez. A situação é pior com aqueles que não têm contra-indicações, mas durante esse período eles estão “fechados” uns dos outros. Ou casais que têm que observar a paz sexual devido à ameaça. O principal é tratar a situação atual com compreensão ou compromisso quando um dos parceiros tem medos e sentimentos interiores.

  • Classificação:



  • Adicione um comentário